• Friday May 20,2022

Desigualdade social

Explicamos o que é desigualdade social e os tipos que existem. Além disso, as principais causas e conseqüências desse problema social.

A desigualdade social é a origem da discriminação.
  1. O que é desigualdade social?

A desigualdade social é entendida como uma situação de disparidade ou desvantagem de parte da cidadania de um país ou entre países de uma região, ou entre regiões do mundo, em comparação com outras que são injustamente favorecidas. É o contrário, logicamente, da igualdade social.

A desigualdade social é um problema das sociedades contemporâneas, produto do desenvolvimento desigual das várias regiões do globo e da imposição de certas ideologias ou valorizações dos seres humanos acima. outros. De fato, a desigualdade social é a origem da discriminação, uma vez que esta consiste em tratar aqueles que são economicamente, social ou moralmente desfavorecidos de maneira diferente.

Assim, a desigualdade social implica uma distribuição desigual de oportunidades, respeito e acesso a bens e serviços, baseada em várias razões culturais ou sociais. Não é, como muitos gostariam de acreditar, uma característica natural ou óbvia da existência humana, nem é uma forma de `` justiça '' ou punição divina.

A desigualdade social não ocorre exatamente da mesma maneira em todos os lugares e campos. Em algumas sociedades, é uma questão ligada exclusivamente à classe socioeconômica, enquanto em outros lugares também implica considerações sobre raça, religião, orientação sexual etc.

Veja também: Igualdade

  1. Tipos de desigualdade social

A desigualdade de gênero pode ser, por exemplo, discriminação contra as mulheres.

A classificação mais óbvia da desigualdade social tem a ver com as razões da discriminação. Assim, podemos falar sobre desigualdade social de acordo com:

  • Posição econômica . Provavelmente a mais comum das formas de desigualdade social, está ancorada na capacidade econômica do indivíduo ou da classe a que pertence, separando assim o mundo dos ricos, da classe média e dos pobres, obviamente prejudiciais para aqueles Eles ocupam os degraus inferiores. Aqueles que estão abaixo da escala têm menos acesso a bens e serviços, representação política, visibilidade simbólica e cultural, além de estudar e até alimentos adequados. Dependendo de quão longe estão esses estratos sociais, pode-se falar de sociedades de castas, nas quais subir para os degraus superiores é praticamente impossível.
  • Religião As lutas religiosas são tão antigas quanto o homem e, em muitas sociedades modernas, ainda constituem um fator de desigualdade entre grupos humanos, reservando poder e oportunidades para aqueles que professam uma certa fé e condenando as de outras pessoas, muitas vezes referidas como " infiéis "ou" hereges ".
  • Sexo . Trata-se de discriminação baseada em sexo biológico (como no caso de mulheres) ou orientação sexual (como no caso da comunidade LGBT), que reserva as posições mais importantes e favoráveis ​​para homens heterossexuais (especialmente se eles são brancos ) e marginaliza aqueles que não se inscrevem em um determinado arranjo tradicional de papéis sexuais ou eróticos.
  • Etnia A discriminação racial confere uma posição superior a certas raças ou etnias, subjugando os outros à sua vontade por serem considerados "inferiores" ou "diferentes" e, assim, negando-lhes acesso a bens ou mesmo direitos fundamentais, como a vida. Alguns dos grandes massacres e genocídios da história são baseados nesse tipo de discriminação.
  • Ideologia Nesse caso, trata-se de discriminação política, isto é, a desigualdade de oportunidades e bens entre aqueles que aderem a uma doutrina política e aqueles que não aderem, ou aqueles que se opõem a eles. É o que acontece nos governos totalitários ou nas ditaduras, por exemplo.

Ele pode atendê-lo: direitos iguais

  1. Causas da desigualdade social

A desigualdade social não tem uma causa única, mas é uma consequência da maneira como nossa história como espécie passou . O pensador francês Jean-Jacques Rousseau refletiu sobre a origem da desigualdade entre os homens e garantiu que a origem disso estava no estado social, ou seja, que o homem não nasce na desigualdade, mas a adquire no início de compare-se com seus colegas e veja como eles vivem.

O estudo das sociedades primitivas mostrou que eram sociedades muito mais igualitárias na distribuição de trabalho e benefícios, mas em algum ponto do período neolítico iniciou-se um processo de hierarquia e construção estatal que envolvia a distribuição de trabalho. e divisão social, algo que atingiria o pico com a invenção da escravidão e a exploração do homem pelo homem.

Veja também: Igualdade de gênero

  1. Consequências da desigualdade social

O sofrimento da desigualdade social pode levar o indivíduo à depressão.

A desigualdade social tem consequências muito específicas e muito contrárias ao desenvolvimento harmônico das nações ou da humanidade. A perpetuação da pobreza, a consolidação do ressentimento e a necessidade de revoluções ou conflitos violentos são apenas algumas delas, pois o desconforto de ficar preso em estratos sociais imóveis muitas vezes leva à depressão. raiva nas coletividades oprimidas.

Por outro lado, os oprimidos nunca desenvolvem plenamente seu potencial, uma vez que os recursos necessários para isso estão sendo explorados por outros, o que causa uma perda de potencial humano incalculável. Por ser um mal simples, é fonte de inúmeras dificuldades extremamente difíceis de combater: o risco à saúde, o aumento do crime, o ódio de classe, a deterioração da política etc.

Continue com: Igualdade de oportunidades


Artigos Interessantes

Projeto de Pesquisa

Projeto de Pesquisa

Explicamos o que é um projeto de pesquisa e as partes que o compõem. Além disso, as etapas para elaborar um e exemplos. Um projeto de pesquisa é um relatório antes da realização de experimentos. O que é um projeto de pesquisa? Um projeto de pesquisa é entendido como um documento metodológico, geralmente acadêmico , no qual é explicado e descrito em detalhes como um todo. Procedimen

Reino Protista

Reino Protista

Explicamos o que é o reino protista, suas características e como ele é classificado. Além disso, como está sua nutrição, reprodução e exemplos. O reino protista reúne um conjunto de organismos geralmente celulares. Qual é o reino protista? Um reino protista, também chamado protoctista, é entendido como um dos grupos em que a biologia classifica os seres vivos, mais especificamente os eucariotos, juntamente com o reino animal, vegetal e de fungos. : Todos os

Feminino

Feminino

Explicamos a você o que é o feminismo, suas diferenças com o feminismo e sua relação com o machismo. Além disso, o debate que suscita. O feminismo seria o equivalente inverso do machismo. Qual é a fêmea? Feminilidade significa discriminação sexual contra homens por mulheres . É um neologismo que é proposto como o conceito inverso e oposto de machismo, e cuja existência ou até mesmo possibilidade real é atualmente debatida. Em nenhum cas

Produto em Química

Produto em Química

Explicamos a você o que é um produto em química, o processo pelo qual um produto é obtido e como calcular o desempenho de uma reação. Os produtos dependerão das condições em que a reação química ocorreu. O que é um produto em química? Na química e seus ramos, é conhecido como `` produto '' para as substâncias obtidas no final de uma reação química . Em uma reação quím

Floresta do Mediterrâneo

Floresta do Mediterrâneo

Explicamos o que é a floresta mediterrânea, sua flora, fauna, relevo, clima e outras características. Além disso, onde está localizado. A floresta mediterrânea é um bioma árido, arborizado e matagal. O que é a floresta mediterrânea? Chama-se floresta mediterrânea, madeira de lei ou matagal mediterrânea a um bioma florestal e matagal freqüente em regiões com clima mediterrâneo , ou seja, clima semelhante ao da vizinhança do mar europeu da mesma região. nome Esses tipo

Fobia

Fobia

Explicamos a você o que é uma fobia e alguns exemplos desse medo irracional. Além disso, quais são as fobias crônicas e seu tratamento. As fobias não são um medo racional nem representam realmente um perigo. O que é fobia? A fobia é um medo tão intenso que a pessoa sente que, se fosse exposta ao que teme, poderia morrer . Também é