• Sunday September 25,2022

Elementos de comunicação

Explicamos a você o que são e quais são os elementos de comunicação. Quais são os sinais, o remetente, a mensagem, o destinatário e muito mais.

Em toda comunicação existe um remetente e um destinatário.
  1. O que é comunicação?

A comunicação consiste na transmissão de informações por meio da interação de duas entidades, que podem ser de tipos diferentes, como a comunicação entre pessoas, entre instituições ou entre órgãos. representantes diplomáticos de diferentes nações, para dar exemplos.

Para que a comunicação seja realizada, certos requisitos devem ser cumpridos, como, por exemplo, os diferentes agentes participantes devem compartilhar o mesmo repertório de sinais para dar a mesma interpretação, ou pelo menos semelhante, sobre informações Não é a mesma mensagem, o que garante entendimento.

A comunicação inclui várias formas de ação comunicativa; isto é, o que pode ser através da fala como alimento para o envio de informações ou também através de mensagens ou gestos escritos . Essas diferentes formas, ao mesmo tempo em que diferem, têm características em comum, todas elas exigem que haja um remetente, uma mensagem a ser transmitida e um receptor.

Por outro lado, existem outros elementos que também fazem parte do processo comunicativo, são os contextuais, que condicionam todos os elementos igualmente e o fazem a partir da circunstância em que a comunicação é aprimorada. Estes são elementos físicos que a distorcem, por exemplo, a distância entre um receptor e um emissor pode fazê-los optar por usar a linguagem gestual para se comunicar, o ruído ambiental também pode levar a isso. Ou o remetente da mensagem pode não estar presente ao mesmo tempo e receber a mensagem quando um remetente grava uma mensagem por meio de uma gravação de vídeo ou gravação de voz.

Siga em: Comunicação.

  1. Quais são então os elementos de comunicação?

O receptor ajusta a informação à sua interpretação com os mesmos sinais linguísticos.
  • Emissor Seu papel é o ponto de partida da ação comunicativa, parte de sua própria iniciativa o desejo de comunicar determinadas informações. O que comunicar e qual a melhor maneira em uma situação específica são questões que, exceto sob certas condições urgentes, o emissor geralmente decide.
  • Receiver É ele quem recebe a informação e a ajusta à sua interpretação com os mesmos sinais lingüísticos; Segue-se disso sua própria interpretação da mensagem recebida. Ele entende de tal maneira que ele está então em posição de elaborar uma resposta para o remetente, para o qual ele se posicionará como remetente neste caso de uma mensagem e resposta originais da anterior, reiniciando a ação comunicativa sucessivamente.
  • Código e canal Eles também são elementos fundamentais da comunicação. O código refere-se ao sistema que os dois agentes devem compartilhar, o que garante compreensão, são sinais lingüísticos, combinados arbitrariamente por quem é o remetente da mensagem e de acordo com o caso do que você deseja transmitir.
    Ao contrário, o código também deve garantir a estabilidade de certos elementos, nem todos podem ser arbitrários de acordo com os desejos do emissor, devem ser ambos estáveis; Isso é vital para a transição do conteúdo na mensagem. A esse respeito, diz-se que eles devem ser participantes de um sistema lingüístico mais amplo de códigos que entende que é o consensual lingüístico que prevalece em uma determinada sociedade em um momento histórico específico.
  1. Fatores de Comunicação

É o famoso analista lingüístico Ferdinand de Saussure que, do ponto de vista positivista, realiza essa análise sobre os diferentes elementos que compõem a comunicação. Este autor classifica os vários fatores em:

  • Fatores externos: aqueles expostos a fatores físicos e ambientais, como a transmissão de vibrações de voz no momento em que o ar circula.
  • Fatores internos. Quais são os processos mentais e biológicos internos nos quais o sustento material que é a pessoa está envolvido como vibração da voz humana e também compreende a compreensão mental do c Eu digo comunicativo. No entanto, seu ponto de vista não inclui o contexto histórico, no qual as mensagens discursivas são influenciadas pelo contexto da época.

Artigos Interessantes

Obrigações

Obrigações

Explicamos o que são os títulos, para que servem e os tipos de títulos que existem. Além disso, qual é a emissão de títulos e alguns exemplos. Títulos são um tipo de pagamento vendável a terceiros. Quais são os bônus? Na área financeira, um tipo de instrumento de dívida usado por entidades privadas e governamentais é denominado e são instrumentos de dívida mais ou menos equivalentes, ou o referido método Eles são simplesmente um tipo de pagamento vendável a terceiros. Os `` títulos '

Honestidade

Honestidade

Explicamos a você o que é honestidade e alguns exemplos dessa virtude humana. Além disso, frases honestas e o que é respeito. Espera-se que as pessoas honestas digam a verdade, sejam justas e razoáveis. O que é honestidade? Entende-se como `` honestidade '' ou `` honestidade '' uma virtude humana que consiste no amor à justiça e à verdade e não ao ganho ou à conveniência pessoal . As pessoas

Genótipo

Genótipo

Explicamos o que é o genótipo e qual a sua diferença com o fenótipo. Além disso, por que é importante, qual é o genoma humano e exemplos. No genótipo estão todas as características que constituem o indivíduo. Qual é o genótipo? Por genótipo, nos referimos ao conjunto de informações genéticas armazenadas no DNA de um organismo em particular, cuja totalidade em termos de espécies compõe o genoma. Ou, dito de outra

Missão e Visão

Missão e Visão

Explicamos qual é a missão e a visão de uma empresa, com exemplos claros. Além disso, quais são as diferenças entre os dois conceitos. A missão e a visão de uma empresa devem ser formuladas juntas. O que é missão e visão? Os conceitos de Missão e Visão referem-se geralmente ao estabelecimento de objetivos que uma pessoa ou grupo pode tentar alcançar . Ambos os con

Espécies nativas

Espécies nativas

Explicamos a você o que é uma espécie nativa, o que é uma espécie endêmica e exótica. Além disso, alguns exemplos de espécies nativas. O total de espécies nativas compõe a fauna e flora nativas de cada região. O que é uma espécie nativa? Diz-se de um animal, planta ou outra espécie que é uma espécie nativa quando se origina de um local geográfico específico , ou seja, é nativa dessa região sem intervenção humana de qualquer tipo. `` No tipo. Isso se a

Proton

Proton

Explicamos o que são prótons, como foram descobertos, suas propriedades e características. Além disso, quais são os núcleons. Os prótons estão no núcleo dos átomos. O que é um próton? O próton é um tipo de partícula subatêmica , ou seja, uma das partículas mínimas que constituem o átomo. Pertence à famíli