• Friday June 18,2021

Ensaio

Explicamos o que é um ensaio e as características de um ensaio literário. Além disso, como está a estrutura de um ensaio.

O ensaio é reconhecido por sua natureza reflexiva e crítica.
  1. O que é ensaio?

A palavra ensaio vem do latim exag um.

  • Em uma primeira instância, esse conceito pode ser entendido como a ação de ensaiar, ou seja, realizar testes ou preparações para um show.
  • A segunda definição que pode ser encontrada a partir da palavra ensaio está relacionada a um gênero literário. Isso é reconhecido por seu caráter reflexivo e crítico, mas sem fazer uso do aparato acadêmico.

Veja também: Leitura crítica.

  1. O que são ensaios literários?

Há quem sugira que a lógica desempenha um papel fundamental nos ensaios.

Ensaios literários são breves escritos, geralmente em prosa . O autor tenta apresentar um tópico específico e sua maneira pessoal de entendê-lo. Há autores que enfatizam a importância de entender o ensaio como uma reflexão e não como uma mera opinião.

Os temas dos ensaios são diversos e sua estrutura é aberta . Alguns exemplos são ensaios filosóficos, políticos, políticos, argumentativos, pessoais, etc. Normalmente, para o público a quem esses textos são direcionados, ou seja, seus leitores, eles não devem ser especialistas no assunto desenvolvido. Mesmo seus leitores são geralmente muito diversos.

Há quem sugira que a lógica desempenha um papel fundamental nos ensaios . Isso ocorre porque, a partir desses textos, são feitas tentativas para convencer ou demonstrar algo ao leitor. Para isso, a maneira pela qual as idéias serão postuladas é muito importante. Normalmente, dois tipos de lógica são usados, por um lado, o dedutivo e, por outro, o indutivo.

  • A lógica dedutiva. requer que o início do ensaio seja baseado nas declarações gerais. Eles serão apoiados em todo o texto, graças à dedução, com demonstrações concretas. A partir disso, será tentado desenvolver a tese.
  • Lógica indutiva. Seu ponto de partida são demonstrações concretas que permitirão induzir declarações mais amplas ou mais gerais. Esse tipo de lógica é considerado mais eficaz na tentativa de convencer alguém, uma vez que o leitor descobre e entende claramente como as conclusões são alcançadas.

Siga em: Ensaio Literário.

  1. Como estão estruturados os ensaios?

No desenvolvimento de um ensaio, são sugeridas idéias próprias e implementadas fontes.

Embora a estrutura do ensaio não seja caracterizada por sua rigidez, como já mencionado, alguns autores recomendam alguns passos a serem seguidos ao escrever um ensaio. A organização das partes de um ensaio depende de seu autor, mas, principalmente, é a união de uma introdução, um desenvolvimento e uma conclusão final.

  • 1. Introdução Aqui a apresentação do assunto é feita expondo uma hipótese ou sua posição sobre o tema central, vislumbrando o objetivo do próprio ensaio; a maneira pela qual o assunto será tratado posteriormente é apreciada pelo autor, uma vez que explica brevemente o conteúdo e os subtópicos a serem abordados.
  • Desenvolvimento Aqui são realizadas exposições e análises, onde são sugeridas idéias próprias e reafirmado o ensaio mediante a implementação de fontes (revistas, páginas da web, livros, entre outros). O tópico desenvolvido é aprofundado usando uma síntese, um resumo e um comentário final. O conteúdo verifica e sustenta a tese através de um intenso argumento que, por sua vez, contém perguntas que incentivam o leitor a refletir ou por que não aprofundar o assunto por conta própria.
  • Conclusão Finalmente, a conclusão é baseada em uma combinação das próprias idéias do autor sobre o assunto, onde ele pode ou não sugerir uma solução para isso, usando um fechamento de desenvolvimento ou antecipando linhas de análise para os escritos subseqüentes. Reflete as reflexões pessoais iniciais, tentando acrescentar à hipótese novas idéias da investigação.

Pode servir para você: Exemplos de ensaios curtos.

Artigos Interessantes

Descentralização

Descentralização

Explicamos o que é descentralização e os tipos que existem. Além disso, quais são suas vantagens e descentralização educacional. A descentralização ajuda a tornar a tomada de decisão mais ágil. O que é descentralização? Descentralização é a atomização do poder dentro de uma empresa, estado ou organização . Isso implica necess

Sistema muscular

Sistema muscular

Explicamos o que é o sistema muscular, suas partes e funções diferentes. Além disso, como é classificada e doenças musculares. O sistema muscular do ser humano constitui 40% do peso de um adulto. Qual é o sistema muscular? Quando nos referimos ao sistema muscular , falamos sobre o conjunto de mais de 650 músculos diferentes que compõem o corpo humano, muitos dos quais podem ser controlados à vontade e que permitem exercer força suficiente sobre O esqueleto para mover. O sistema

Informação

Informação

Explicamos tudo sobre as informações, como são usadas, sua classificação e outras características. Além disso, sua importância para o Estado. As informações encontram diferentes formatos, usos e formas de armazenamento. Qual é a informação? A informação é um conjunto organizado de dados relevantes para um ou mais sujeitos que extraem conhecimento dela. Ou seja, é uma

Revolução Mexicana

Revolução Mexicana

Explicamos tudo sobre a revolução mexicana que começou em 1910. Causas, consequências e figuras proeminentes da revolução. A Revolução Mexicana chegou ao fim graças à Convenção de Aguascalientes. O que foi a Revolução Mexicana? A Revolução Mexicana foi um conflito armado que começou no país mexicano de 1910 e culminou em 1920 e é considerado um dos eventos sociais e políticos mais significativos do país. Século XX na Améric

Contrato

Contrato

Explicamos o que é um contrato e os tipos de contrato que podem ser feitos. Além disso, suas partes e suas diferenças com um acordo. Um contrato é uma aliança de obrigações e direitos entre duas pessoas físicas ou jurídicas. O que é um contrato? Um documento legal que expressa um acordo comum entre duas ou outras pessoas qualificadas (conhecidas como as partes do contrato), que estão vinculadas por este documento a um determinado propósito ou coisa, cujo cumprimento deve sempre ser bilateral ou, caso contrário, o contrato será considerado quebrado e inválido. Em outras pal

Vox Populi

Vox Populi

Explicamos a você o que é vox populi, qual é a sua origem e significado e os diferentes significados desse termo popular. Se algo é popular, é considerado massivo, comum, popular ou pode ser óbvio. O que é isso? Vox populi o vox p puli (castelhano) à © uma expressà £ o latina que se traduz em e usada para qualificar algo de conhecimento p Público, isto é, que todo mundo conhece e repete. O contexto