• Monday December 6,2021

Escultura

Explicamos a você o que é a escultura e em que consiste essa expressão artística. Características, técnicas, função e usos na sociedade.

A estátua da liberdade é obra do escultor francês Fr Bartlett.
  1. O que é escultura?

Escultura (do latim sculpt, sculpt) é uma forma de expressão artística que consiste em esculpir, moldar, esculpir ou cinzelar um material para criar uma forma com volume.

A escultura é considerada uma das Belas Artes, além de pintura, música e arquitetura. O trabalho que surge como resultado do processo artístico também recebe o nome de escultura.

Veja também: Artwork.

  1. Características da escultura

A escultura tem um grande componente de imitação e criação original.

Os materiais de trabalho da escultura podem ser dos mais variados, de barro, pedra e madeira a mármore, cera, gesso e diferentes tipos de metais (bronze, ferro, cobre) prata, ouro). Como a tecnologia permitiu o desenvolvimento de novos materiais, a escultura passou a usar resinas e plásticos que, com novas propriedades de resistência e flexibilidade, permitiram o desenvolvimento de novos estilos artísticos na escultura.

A escultura possui um grande componente de imitação e também de criação original, uma vez que a representação pode variar de figuras concretas como pessoas, animais, objetos naturais e artificiais, com proporcionalidade absoluta, ou podem ser esculturas abstratas que desafiam a percepção do espaço

A gestão do espaço é muito importante na escultura, o que implica que a composição final que o artista busca deve levar em conta aspectos espaciais como altura, largura, profundidade, volume, forma, layout da linha, a textura, a consistência dos materiais, a ótica do ambiente onde a escultura será e, em alguns casos, o movimento da escultura.

  1. Técnicas de escultura

A escultura em madeira envolve instrumentos como cinzel e lixa.

Existem inúmeras técnicas de escultura, de acordo com as intenções e os meios do artista. As técnicas dependem amplamente do material no qual você trabalha.

No caso de madeira e pedra, a técnica envolve esculpir instrumentos como cinzel e lixa, enquanto no caso de materiais mais macios, como argila e argila, é utilizada a modelagem manual.

Quando o material é um metal, a técnica envolve fundição e uso de moldes . Também são utilizadas técnicas de perfuração, pintura e conservação, bem como a articulação de diferentes peças para criar movimento no trabalho.

Os moldes são comumente usados ​​para a reprodução de esculturas. Eles são feitos com gesso, resina ou borracha, reproduzindo com precisão o trabalho final.

  1. Função e usos da escultura

Socialmente, a escultura pode ter usos e funções muito diversos. Originalmente, as esculturas tinham uma função religiosa, para rituais mágicos, rituais funerários, práticas de culto, etc.

Posteriormente, ele também adquiriu funções políticas, para manifestar o poder das monarquias, preservar a memória dos povos, defender projetos políticos. Outro uso da escultura, que se tornou sua função mais comum ao longo do tempo, é o estético, que busca representar a beleza ou os ideais artísticos de uma época ou criar objetos decorativos para interiores ou exteriores.

Artigos Interessantes

Setor terciario

Setor terciario

Explicamos o que é o setor terciário, suas principais áreas e exemplos. Além disso, em que consistem os setores primário, secundário e quaternário. O setor terciário fornece suporte especializado a consumidores ou empresas. Qual setor terciário? É chamado setor terciário ou setor de serviços da cadeia econômica que, diferentemente dos dois anteriores, não se dedica à extração de matéria-prima ou sua transformação em bens de consumo, mas satisfazendo as necessidades operacionais e comerciais ou de qualquer outra natureza exigida pelos consumidores finais e por outras empresas e indústrias. Esse

Soberania

Soberania

Explicamos a você o que é soberania e quais são os significados do termo soberania segundo autores como Jean Bodin, entre outros. A soberania é uma característica dos estados. O que é Soberania? O conceito de soberania estava geralmente associado ao escopo da teoria política . Autores como Hobbes, Rousseau, Locke, Bodin, entre muitos outros, dedicaram grande parte de seu trabalho, explicitamente ou não. No ent

Inteligência Interpessoal

Inteligência Interpessoal

Explicamos a você o que é inteligência interpessoal, de acordo com a Teoria das Inteligências Múltiplas, suas características e exemplos. A inteligência interpessoal facilita o relacionamento com os outros. O que é inteligência interpessoal? De acordo com o modelo de Múltiplas Inteligências proposto por Howard Gardner em 1983, a inteligência pessoal é aquela que permite aos indivíduos gerenciar com êxito seus relacionamentos com os outros . Envolve compr

Cacau

Cacau

Explicamos o que é o cacau, sua origem e a história dessa famosa árvore. Além disso, suas propriedades e sua relação com o chocolate. O cacau é uma árvore perene que requer climas quentes e úmidos. O que é cacau? O ` ` cacau '' é uma árvore americana de origem amazônica , também conhecida como `` cacau '' , já que por `` cacau '' geralmente se refere ao fruto que a árvore dá, ou mesmo ao produto da secagem e fermentação das sementes do referido fruto. É uma árvore semp

Geografia Física

Geografia Física

Explicamos a você qual é a geografia geográfica, sua história, características e exemplos. Além disso, diferenças com a geografia humana. A geografia geográfica estuda a geosfera, a hidrosfera e a atmosfera. Qual é a geografia geográfica? O ramo da geografia que lida com o estudo da superfície da Terra , entendido como um espaço geográfico natural, é chamado de geografia geográfica. Isso signific

Propriedade privada

Propriedade privada

Explicamos a você o que é propriedade privada e quando esse conceito jurídico surge. Além disso, exemplos e outras formas de propriedade. Imóveis e veículos particulares são alguns exemplos. O que é propriedade privada? Propriedade privada é propriedade de qualquer tipo (casas, capitais, veículos, objetos, ferramentas, incluindo fábricas, edifícios inteiros, terrenos ou corporações) que podem ser de propriedade, comprados, vendidos, arrendadas ou deixadas como herança por pessoas físicas e jurídicas que não sejam o Estado, isto é, por elementos do setor privado da sociedade. Os ativos de prop