• Sunday September 20,2020

Estado de Direito

Explicamos a você o que é o Estado de Direito e qual é o seu principal objetivo. Além disso, como foi o surgimento do estado de direito.

O Estado de Direito procura estabelecer uma ordem absoluta entre os cidadãos.
  1. Qual é o estado de direito?

Um estado de direito é regido por certas leis e organizações, com base em uma Constituição, sendo o guia das autoridades no campo jurídico . Todos os cidadãos deste Estado cumprem os padrões exigidos pela Constituição, apresentados por escrito.

Em contraste com o que acontece na maioria das ditaduras em que o responsável faz o que acha que não possui regras ou normas que governam suas ações, em um estado de direito , são estabelecidos limites e regras que organizam os cidadãos que concedem direitos iguais.Estas regras legais são estabelecidas por escrito na Constituição, são divulgadas publicamente e foram previamente votadas e aprovadas por representantes da sociedade .

Um estado de direito surge quando as ações dos cidadãos e do Estado são baseadas em regras e leis pré-estabelecidas. É então que o poder que o Estado possui está sob as normas legais estabelecidas que ele deve cumprir para ter a organização da sociedade. Usando o poder da Constituição e através dos vários órgãos de governo, é possível estabelecer entre os cidadãos uma ordem absoluta, além do respeito entre eles.

Veja também: Direito Público.

  1. Como surgiu o conceito de Estado de Direito?

Estado de direito refere-se a uma constituição legal moderna.

A doutrina de origem alemã do Rechtsstaat é a origem do conceito "Estado de direito". O livro 'Die deutsche Polizeiwissenschaft nach den Grundsätzen des Rechtsstaates' (em espanhol 'A ciência da política alemã de acordo com os princípios do Estado de Direito') foi o primeiro a usar o termo como Estado de Direito, além de que muitos escritores alemães afirmam que o termo foi usado pela primeira vez no livro de Immanuel Kant.

O termo Estado de Direito nasceu como uma resposta à forma de um Estado absolutista, caracterizado por reprimir o direito dos cidadãos à liberdade, concentrando todo o poder e má organização e falta de responsabilidade de seus titulares. Estado de direito refere-se a uma constituição legal moderna .

Em 1832, Robert Southey, um poeta de sucesso da origem inglesa, usou o termo constitucionalismo pela primeira vez, sendo adotado e usado mais regularmente como expressão legal nos últimos anos. Esse constitucionalismo, de acordo com o que se entende, possui dois elementos principais, que foram entendidos como os mesmos do Estado de direito por vários anos. Uma delas é a divisão de funções em relação ao uso do poder, e a outra é a grande importância da Constituição.

Em 1791, a Constituição da França adicionou um artigo, que se tornou a base de todo constitucionalismo livre. Este artigo estabeleceu que, se os direitos estabelecidos não fossem cumpridos ou governados por sociedades, e também o poder do Estado não fosse dividido, a empresa não possuía uma Constituição.

Em contraste com o estado de direito, o totalitarismo surgiu no século XX. O estado de direito visa impedir por lei ou por mandato o controle e a expansão total do Estado (de acordo com Zippelius). O totalitarismo, por outro lado, caracteriza-se pela proibição de liberdades, públicas ou pessoais, incluindo o impedimento das divisões do poder do Estado e a participação de órgãos que realizam as tarefas do Estado. Além disso, o totalitarismo proíbe a deliberação por representantes e a liberdade de expressão. Além de todas essas proibições e impedimentos, o totalitarismo tentou se impor legitimamente através de várias ferramentas legais.

O fascismo, o socialismo nacional e o falangismo, procuraram ser representados através de um conjunto de regras que, em última análise, não formaram um sistema formal. Este não é o caso do comunismo e do corporativismo, uma vez que estes desenvolveram um sistema completo e formalmente constitucional.

O ditador Hitler estava governando com o apoio da Lei de Autorização de 1933, que lhe permitia exercer sob sua vontade. Segundo essa lei, Hitler estabeleceu como lei várias normas racistas, como a de Nuremberg em 1935.

Em 1848, a validade legal do Estatuto de Albertino permaneceu na Itália, o poder de Mussolini sendo consolidado por várias normas diferentes. Ao mesmo tempo, foi alcançada a integração do Grande Conselho do Fascismo, cuja contribuição máxima para a história do Estado de Direito foi a Lei Acervo de 1923, que postulou uma "cláusula de governança". Isso significa que o partido que mais se beneficiou nas eleições populares foi o que teria a maioria dos representantes no parlamento. Mussolini foi delegado com vários poderes que lhe permitiram governar. Como primeira decisão em comando, ele decidiu integrar no ano de 1926 o Tribunal Especial de Defesa do Estado.

Assim, ter uma Constituição (de natureza formal) era considerado um fato suficiente para chamar um governo de Estado de Direito.

Artigos Interessantes

Boom latino-americano

Boom latino-americano

Explicamos o que foi o boom latino-americano na literatura, suas características e temas recorrentes. Além disso, autores mais importantes. Autores como Miguel Asturias, Miguel, mudaram paradigmas da literatura latino-americana. Qual foi o boom latino-americano? O termo boom latino-americano significa um fenômeno literário e editorial que ocorreu entre as décadas de 1960 e 1970 , quando as obras literárias de um grupo de jovens escritores latino-americanos foram amplamente distribuídas e apreciado na Europa e em grande parte do mundo. Esses

Organizações Produtoras

Organizações Produtoras

Explicamos a você quais são os organismos produtores, sua classificação e exemplos. Além disso, os organismos consumidores e em decomposição. Organismos produtores sintetizam sua própria comida e a de outros seres vivos. Organizações de produtores Organismos produtores, também chamados de autotróficos (do automóvel grego, que significa `` por si só '' e tropos que significam `` nntrictric``, ``), são seres que produzem seus próprios alimentos a partir de substâncias inorgânicas, como luz, água e dióxido de carbono, para que não precisem de outros seres vivos para se nutrir. Os organismo

Patético

Patético

Explicamos a você o que é patético, alguns sinônimos desse termo e sua definição nos campos da literatura e da medicina. A palavra "patético" está intimamente relacionada à franqueza. O que é patético? O adjetivo patético é usado para se referir ao que é capaz de mobilizar o humor, infundindo-o com afetos veementes e principalmente dor , tristeza ou melancolia. Esta palavra

Massa química

Massa química

Explicamos o conceito de massa da química e quais são suas unidades de medida. Além disso, a diferença entre peso e massa. Massa basicamente se refere à quantidade de matéria em um corpo. Qual é a massa na química? Em química, massa (m) ou matéria é entendida como a quantidade de matéria que um corpo possui , ou no caso de uma reação química, a quantidade específica de matéria que compreende cada um dos reagentes envolvidos. Todos os corpos

Diálogo

Diálogo

Explicamos a você qual é o diálogo, suas características e classificação. Além disso, o diálogo direto, o diálogo indireto e o monólogo. No diálogo, os interlocutores se revezam nas funções de emissor e receptor. Qual é o diálogo? Geralmente, por diálogo entendemos a troca recíproca de informações entre um remetente e um destinatário por meio de um meio oral ou escrito. Ou seja, é uma con

Disciplina

Disciplina

Explicamos o que é disciplina e a que disciplina se refere como valor. Além disso, os tipos que existem e um exemplo de disciplina. A disciplina procura realizar uma tarefa com rapidez e eficiência. Qual é a disciplina? ` ` Disciplina ' ' (do discípulo latino, discípulo , estudante) é entendida como uma referência a uma maneira coordenada, ordenada e sistemática de fazer as coisas , De acordo com um método de código ou com alguma consideração sobre a maneira correta de fazer as coisas. Em princípi