• Saturday April 17,2021

Estados de agregação da matéria

Explicamos a você quais são os estados de agregação da matéria, como eles podem ser classificados e algumas características de cada um.

A matéria pode passar de um estado de agregação para outro, alterando sua temperatura e pressão.
  1. Quais são os estados de agregação de matéria?

Quando falamos de estados de agregação de matéria, nos referimos às diferentes fases ou maneiras pelas quais é possível encontrar matéria conhecida, sejam substâncias puras ou misturas, e que dependem do tipo e intensidade da matéria. forças de atração entre as partículas que compõem essa matéria (como átomos, moléculas etc.).

Três estados de agregação de matéria são conhecidos principalmente: o estado sólido, o estado líquido e o estado gasoso. Existem também outros menos freqüentes, como estado plasmático ou condensados ​​fermínicos, mas essas formas não ocorrem naturalmente no ambiente.

Cada um dos estados de agregação possui características físicas diferentes, como volume, fluidez ou resistência, embora não implique uma diferença química real entre um estado e outro: água sólida (gelo) e água líquida (água) são quimicamente idêntico.

A matéria pode ser forçada a passar de um estado de agregação para outro, apenas alterando a temperatura e a pressão em que a matéria é encontrada. Assim, a água líquida pode ser fervida para trazê-la ao estado gasoso (vapor) ou pode ser resfriada o suficiente para trazê-la ao estado sólido (gelo).

Esses procedimentos para transformar um estado de agregação de matéria em orto são geralmente reversíveis, embora não sem alguma margem de perda da substância. Os processos mais conhecidos são os seguintes:

  • Vaporização ou evaporação. O calor (energia térmica) é introduzido em uma substância líquida, cujas partículas são mantidas juntas de uma maneira fluida e estreita, mas são feitas para vibrar muito mais rapidamente, aumentando o espaço entre elas e obtendo um gás.
  • Condensação É o processo inverso ao anterior: a energia térmica (o frio é adicionado) ao gás é removida, para forçar suas partículas a se moverem mais lentamente e a se aproximarem, obtendo assim um líquido de volta.
  • Liquefação. Se for submetido a um gás a pressões muito altas, é possível obter um líquido a partir dele, sem variar a temperatura em que é encontrado. É um processo paralelo à condensação.
  • Solidificação Novamente: removendo a energia térmica (adicionando frio), as partículas de um líquido podem ser aproximadas e desaceleradas ainda mais, para fazê-las construir estruturas fortes e resistentes que determinam um sólido. Essas estruturas podem ser cristalinas ou de outra natureza.
  • Fusion O processo contrário à solidificação: a energia calórica (calor) é adicionada a um objeto sólido, cujas partículas estão intimamente conectadas e, portanto, movem-se pouco ou muito lentamente, podendo ser derretidas até fluir e se tornar um líquido, menos enquanto dura a uma certa temperatura.
  • Sublimação Ao receber energia calórica, certos sólidos podem mobilizar rapidamente suas partículas até se separarem, tornando-se gás sem antes passar pelo estado líquido.
  • Deposição ou cristalização. O caso oposto ao anterior: ao perder ou retirar sua energia calórica para um dado gás, é possível fazer com que suas partículas se agrupem e se tornem cristais sólidos, sem antes passar pelo estado líquido.

Pode atendê-lo: Entalpia.

Artigos Interessantes

Teoria cromossômica da herança

Teoria cromossômica da herança

Explicamos a você qual é a teoria da herança cromossômica formulada por Sutton e Boveri. Além disso, como é baseado nas leis de Mendel. A teoria cromossômica da herança postula que os genes estão nos cromossomos. Qual é a teoria da herança cromossômica? A teoria cromática da herança ou teoria cromática de Sutton e Boveri é a explicação científica da transmissão de certos caracteres através do código genético que contém a célula viva, que ocorre entre uma geração de indivíduos e a próxima. Esta teoria foi desenvolvid

Economia

Economia

Explicamos o que é a economia e qual é seu objeto de estudo. Além disso, sua importância e os diferentes ramos ou tipos de economia. Entre outros, a economia estuda o comportamento dos mercados financeiros. O que é a economia? A Economia (ou Ciências Econômicas) é uma ciência social cujo escopo de interesse é o modo como uma sociedade se organiza para atender às suas necessidades materiais e materiais intangíveis, através de um ciclo de produção, distribuição e troca de mercadorias que perpetuam idealmente ao longo do tempo. A Economia, em

Cubismo

Cubismo

Explicamos a você o que é o cubismo, as características e artistas desse movimento. Além disso, o cubismo analítico, sintético e algumas obras. O estilo característico do cubismo explora uma nova perspectiva geométrica da realidade. O que é cubismo? O nome do cubismo é conhecido como um movimento artístico do século XX que entrou no cenário artístico europeu em 1907, estabelecendo uma forte distância da pintura tradicional e estabelecendo um precedente vital para o surgimento de a vanguarda artística. Seu estilo car

Elementos de comunicação

Elementos de comunicação

Explicamos a você o que são e quais são os elementos de comunicação. Quais são os sinais, o remetente, a mensagem, o destinatário e muito mais. Em toda comunicação existe um remetente e um destinatário. O que é comunicação? A comunicação consiste na transmissão de informações por meio da interação de duas entidades , que podem ser de tipos diferentes, como a comunicação entre pessoas, entre instituições ou entre órgãos. representantes diplomáti

Massa química

Massa química

Explicamos o conceito de massa da química e quais são suas unidades de medida. Além disso, a diferença entre peso e massa. Massa basicamente se refere à quantidade de matéria em um corpo. Qual é a massa na química? Em química, massa (m) ou matéria é entendida como a quantidade de matéria que um corpo possui , ou no caso de uma reação química, a quantidade específica de matéria que compreende cada um dos reagentes envolvidos. Todos os corpos

Galáxia

Galáxia

Explicamos o que são galáxias, como elas se formaram, que tipos e quantas existem. Além disso, quais são os aglomerados de galáxias. Uma galáxia é um conjunto de estrelas, sistemas e matéria interestelar. O que é uma galáxia? Uma galáxia é uma estrutura astronômica que agrupa conjuntos de estrelas (em seus respectivos sistemas solares) e matéria interestelar, como gases, campos de asteróides, etc., no mesmo sis