• Tuesday November 30,2021

Alteridade

Explicamos o que é a alteridade e como ela se relaciona com o conceito de diversidade. O conceito de alteridade implica discriminação?

A alteridade é o poder de coexistir entre todos e buscar o crescimento de todos.
  1. O que é alteridade?

A alteridade não é perceber o outro como igual, mas como alguém diferente, que não faz parte da nossa comunidade. Implica a diferenciação de que o outro não é igual a nós, mas não se relaciona com algo negativo.

A alteridade não implica que o outro deva ser discriminado, mas é a capacidade de respeitar, reconhecer e ser capaz de viver harmoniosamente com essa diversidade. Isso dá a dimensão de que cada pessoa é única e irrepetível no universo.

Esse conceito pode ser visto na sociologia, antropologia e filosofia, assim como em outras ciências. Distinguir o outro como diferente de si mesmo, ou seja, como alguém fora do nosso escopo. Isso não significa que o outro deva ser discriminado ou negligenciado, mas, pelo contrário, é um conceito que aceita a diversidade e implica a coexistência entre as partes.

A alteridade é o poder de coexistir entre todos e incentivar o crescimento de cada indivíduo. Surge através de construções psicológicas e sociais . É o conceito da existência no mundo de algo que não é seu, que não faz parte do mundo de todos.

No entanto, você pode ver, às vezes, uma união íntima desse conceito com discriminação como xenofobia, homofobia, racismo e até misoginia, só para citar alguns. Mas a alteridade não aponta para esses aspectos, porque geralmente não está relacionada a aspectos negativos, apenas com as exceções mencionadas acima.

Antropologicamente, o termo alteridade implica valorizar o outro como uma entidade estranha a nós, ao que nos rodeia e nos identifica. Essa diferença se manifesta do ponto de vista de cada indivíduo, o que cada um considera seu próprio contra o outro.

A existência de uma ampla variedade de culturas e costumes diferentes dos nossos permite-nos adquirir uma visão mais global da existência do outro no mesmo planeta que o nosso e também nos dá a possibilidade de enriquecer nossa perspectiva e Tolerância para com o diferente. Por esse motivo, afirmamos que a alteridade não está relacionada a abordagens negativas, mas pelo contrário.

Socialmente, a alteridade é formada através da alteridade e o oposto: a outra é o que não queremos nos tornar, nem jamais desejamos. Portanto, essa visão do outro é relativa com base na perspectiva de cada pessoa.

Quando se trata de ver outros homens (o OUTRO), surge o problema da alteridade, pois essa visão pode se referir a ver o outro como alguém superior ou inferior. Um exemplo muito fácil de seguir é o momento da chegada do homem branco à América. A alteridade levou os conquistadores a identificar os nativos como o OUTRO, que não faziam parte de seu mundo e, também, como um OUTRO inferior. Eles os consideravam bárbaros, sem educação e cultura, mais próximos dos animais selvagens do que deles mesmos.

Veja também: Temperança.

  1. Outra História

A diferenciação dos homens variou ao longo da história. A princípio, Aristóteles argumentou que os homens não nasceram iguais : alguns nasceram para se submeter à escravidão, enquanto outros nasceram para comandar. Por outro lado, Thomas Hobbes argumentou que todos os homens nasceram iguais.

No ambiente natural e sem psicologias ou sociologias para submetê-lo, todos os homens eram iguais. No entanto, as diferenças na fisionomia humana eram notórias, uma vez que alguns homens são maiores e mais fortes que outros. Também existem diferenças intelectuais, portanto, descobrimos que algumas pessoas são mais inteligentes que outras. Esta é uma realidade diária que não pode ser discutida. Mas é necessário enfatizar que o uso da razão, como Descartes coloca, é a área em que podemos observar a maior igualdade entre os homens.

Alteridade e alteridade são palavras que representam basicamente a mesma coisa : o conceito de ver o outro como diferente de um, o OUTRO como o que eu não sou. Isso pode ser observado nas relações humanas, como cultura, raça, orientação sexual. No entanto, essa diferenciação nunca pode ser alcançada em 100%, uma vez que todos fazemos parte do mesmo universo, somos todos seres humanos.

Artigos Interessantes

Estados da Água

Estados da Água

Explicamos a você quais são os estados da água, as características de cada um e como ocorre a mudança entre um e outro. A água muda de estado dependendo das condições de tensão e temperatura. Quais são os estados da água? Todos sabemos o que é a água e conhecemos suas três apresentações, conhecidas como estados físicos da água. Ou seja: líquido

Zoologia

Zoologia

Explicamos a você o que é zoologia e quais são seus tópicos de interesse. Além disso, os ramos de estudo desta disciplina e alguns exemplos. A zoologia estuda as descrições anatômicas e morfológicas de cada espécie. O que é zoologia? Zoologia é o ramo, dentro da biologia, responsável pelo estudo de animais . Alguns dos

Campo Elétrico

Campo Elétrico

Explicamos a você o que é um campo elétrico, a história de sua descoberta, como sua intensidade é medida e qual é sua fórmula. Um campo elétrico é uma região do espaço modificada por uma carga elétrica. O que é um campo elétrico? Um campo elétrico é um campo físico ou região do espaço que interage com uma força elétrica . Sua representação p

Força de trabalho

Força de trabalho

Explicamos a você o que é a força de trabalho e como esse conceito surge. Diferença entre trabalho e força de trabalho. Exemplos Marx diz que o trabalhador vende sua força de trabalho ao capitalista, não seu trabalho. Qual é a força de trabalho? A capacidade mental e física de qualquer ser humano de realizar uma determinada tarefa é chamada força de trabalho. É um conce

Socialização

Socialização

Explicamos a você o que é socialização e quais são os agentes da socialização. Além disso, o que é socialização terciária? A socialização acompanha uma pessoa em todas as etapas do desenvolvimento. O que é socialização? O conceito de socialização ou socialização consiste no processo pelo qual os indivíduos abraçam os elementos socioculturais do contexto social em que se encontram através da inter-relação com o restante dos indivíduos, de modo que internalize os conceitos sobre realidade à sua personalidade durante o desenvolvimento do processo de adaptabilidade social. Em outras palavras, é rel

Fenômenos Naturais

Fenômenos Naturais

Explicamos a você quais são os fenômenos naturais, suas causas, classificação e alguns exemplos. Além disso, o que são desastres naturais. As migrações de pinguins são fenômenos biológicos naturais. O que são fenômenos naturais? Um fenômeno natural é um evento de mudança que ocorre na natureza , em cuja origem o ser humano tem pouco ou nada a fazer. Isso pode varia