• Friday July 1,2022

Reações endotérmicas

Explicamos a você quais são as reações endotérmicas e alguns exemplos delas. Além disso, quais são as reações exotérmicas.

Reações endotérmicas são comuns na indústria química de gelo.
  1. O que são reações endotérmicas?

As reações endotérmicas são entendidas como certos tipos de reações químicas (ou seja, o processo de transformar duas ou mais substâncias em diferentes). quando ocorrem, consomem energia calórica, ou seja, na qual os produtos obtidos apresentam níveis de energia mais elevados que os reagentes iniciais, uma vez que participam do calor do ambiente.

Isso é resumido na seguinte formulação: dada uma entalpia (H), uma reação endotérmica sempre terá uma variação de entalpia ( H) maior que zero ( H> 0). Lembre-se também de que a entalpia é a variável que representa a troca de energia entre um sistema termodinâmico e seu ambiente.

Esses tipos de reações são comumente usados ​​na indústria química de gelo e refrigeração, pois podem ocorrer em ambientes controlados para remover o calor dos ambientes ou de outras substâncias. Posteriormente, algumas dessas aplicações foram substituídas pelo frio gerado pela eletricidade (compressores).

Veja também: Princípio de Conservação de Energia.

  1. Exemplos de reações endotérmicas

A camada de ozônio é formada pela conversão dos átomos de oxigênio em ozônio.

Alguns exemplos de reação endotérmica são:

  • Produção de ozônio na atmosfera . Impulsionados pela radiação ultravioleta do sol, os átomos de oxigênio (O2) são convertidos em ozônio (O3), absorvendo energia dessa radiação no processo.
  • Hidrólise da água . Para separar o hidrogênio (H) e o oxigênio (O) que compõem a água (H2O), é necessário adicionar energia elétrica em um procedimento conhecido como hidrólise, no qual os dois tipos de átomos respondem aos pólos gerados pela corrente elétrica adicionada, quebrando sua união molecular (e consumindo energia).
  • Fotossíntese O processo de nutrição das plantas ocorre através de uma série de reações químicas que decompõem o dióxido de carbono ambiental (CO2), na presença de água e, necessariamente, da luz solar. Isso ocorre porque a reação requer que uma adição de energia seja consumida durante a reação.
  • Obtenção de sulfeto de ferro (II) . Para obter no laboratório o sulfeto de ferro (II), também chamado de sulfeto ferroso (FeS), um primeiro passo é necessário para a formação de sulfeto de hidrogênio (HS) e depois combinado com o metal, e essa reação exige sempre a adição de calor, sob a forma de um isqueiro ou uma caldeira industrial. Esse calor é a energia adicionada que a reação requer para ocorrer.
  1. Reações exotérmicas

A gasolina quando queimada libera mais energia do que a inicialmente introduzida.

O caso oposto é representado por reações exotérmicas, ou seja, aquelas que ocorrem quando liberam uma certa quantidade de energia para o meio ambiente, na forma de calor. Nesses casos, logicamente, a variação de entalpia será menor que zero (ΔH> 0), uma vez que os produtos possuem menos energia que os reagentes iniciais, uma vez que parte da referida energia química foi liberada no ambiente na forma de calor.

Exemplos desse tipo de reação são todas as formas de combustão e oxidação, como gasolina ou combustíveis fósseis, que quando queimadas na presença de oxigênio liberam uma quantidade de energia muito maior do que a inicialmente introduzida (a faísca do motor). O mesmo ocorre nas mudanças de fase da matéria do estado gasoso para o líquido, ou deste último para o sólido.

Mais em: Reação exotérmica.

Artigos Interessantes

Hoax

Hoax

Explicamos o que são trotes e por que eles são um problema sério para os usuários da Internet. Além disso, como detectar uma farsa? 70% dos usuários da Internet não conseguem distinguir uma farsa. O que é uma farsa? Na Internet, isso é conhecido como brincadeira, bulo ou notícia falsa, ou seja, uma tentativa de fazer as pessoas acreditarem que algo falso é real , com base em meias-verdades, fotografias enganadas ou provenientes de outras pessoas. origem ou

Ciências físicas

Ciências físicas

Explicamos o que são as ciências físicas ou empíricas, seus ramos e como são classificadas. Exemplos de diferentes ciências físicas. As ciências físicas recorrem à lógica e aos processos formais como uma ferramenta. Quais são as ciências físicas? As ciências factuais ou factuais, ou também ciências empíricas, são aquelas cuja tarefa é conseguir uma reprodução (mental ou artificial) dos fenômenos da natureza que É desejável estudar, a fim de entender as forças e os mecanismos envolvidos nelas. São, portanto, as ciênci

Processador de texto

Processador de texto

Explicamos o que é um processador de texto e um pouco de história sobre esta ferramenta de computador. Além disso, suas vantagens e alguns exemplos. Um processador de texto possui diferentes fontes, tamanhos, cores e formatos de texto. O que é um processador de texto? O processador de texto é um tipo de programa ou aplicativo de computador cuja função principal é criar ou modificar documentos de texto gravados em um computador. Pode-s

De plástico

De plástico

Explicamos o que é o plástico, os tipos existentes e os vários usos desse polímero. Além disso, sua história e suas diferentes propriedades. Os plásticos são materiais sintéticos e derivados de petróleo. O que é o plástico? Plástico é o nome genérico e comum dado a uma série de substâncias de estrutura molecular semelhante e características físico-químicas, cuja maior virtude é possuem elasticidade e flexibilidade em uma variedade de temperaturas, permitindo sua moldagem e adaptação a várias formas. Esse nome deriva de su

Comunismo Primitivo

Comunismo Primitivo

Explicamos a você o que era o comunismo primitivo, sua economia, modos de produção, vantagens, desvantagens e outras características. O comunismo primitivo foi a primeira forma de organização social. O que era o comunismo primitivo? Segundo a perspectiva do marxismo, a primeira das etapas da organização político-social da humanidade é chamada comunismo primitivo ou modo de produção primitivo. Apareceu c

Fonte de alimentação

Fonte de alimentação

Explicamos o que é uma fonte de alimentação, as funções que este dispositivo cumpre e os tipos de fontes de alimentação existentes. As fontes de alimentação podem ser lineares ou comutativas. O que é uma fonte de alimentação? A energia ou fonte de alimentação ( PSU em inglês) é o dispositivo responsável por transformar a corrente alternada da linha elétrica comercial que é recebida nas residências (220 volts na Argentina) em corrente direta ou direta; que é aquele usado por dispositivos eletrônicos, como televisores e computadores, fornecendo as diferentes tensões exigidas pelos componentes, ge